Seja por sempre e em todas partes conhecido, adorado, bendito, amado, servido e glorificado o diviníssimo Coração de Jesus e o Imaculado Coração de Maria.

"Roma perderá a Fé e se tornará a sede do Anticristo"

Nossa Senhora em La Salette

Attende Domine, et miserere, quia peccavimus tibi.

Pax Domini sit semper tecum

Item 4º do Juramento Anti-modernista São PIO X: "Eu sinceramente mantenho que a Doutrina da Fé nos foi trazida desde os Apóstolos pelos Padres ortodoxos com exatamente o mesmo significado e sempre com o mesmo propósito. Assim sendo, eu rejeito inteiramente a falsa representação herética de que os dogmas evoluem e se modificam de um significado para outro diferente do que a Igreja antes manteve. Condeno também todo erro segundo o qual, no lugar do divino Depósito que foi confiado à esposa de Cristo para que ela o guardasse, há apenas uma invenção filosófica ou produto de consciência humana que foi gradualmente desenvolvida pelo esforço humano e continuará a se desenvolver indefinidamente" - JURAMENTO ANTI-MODERNISTA

____

Eu conservo a MISSA TRADICIONAL, aquela que foi codificada, não fabricada, por São Pio V no século XVI, conforme um costume multissecular. Eu recuso, portanto, o ORDO MISSAE de Paulo VI”. - Declaração do Pe. Camel.

____

Ao negar a celebração da Missa Tradicional ou ao obstruir e a discriminar, comportam-se como um administrador infiel e caprichoso que, contrariamente às instruções do pai da casa - tem a despensa trancada ou como uma madrasta má que dá às crianças uma dose deficiente. É possível que esses clérigos tenham medo do grande poder da verdade que irradia da celebração da Missa Tradicional. Pode comparar-se a Missa Tradicional a um leão: soltem-no e ele defender-se-á sozinho”. - D. Athanasius Schneider

"Os inimigos declarados de Deus e da Igreja devem ser difamados tanto quanto se possa (desde que não se falte à verdade), sendo obra de caridade gritar: Eis o lobo!, quando está entre o rebanho, ou em qualquer lugar onde seja encontrado".- São Francisco de Sales

“E eu lhes digo que o protestantismo não é cristianismo puro, nem cristianismo de espécie alguma; é pseudocristianismo, um cristianismo falso. Nem sequer tem os protestantes direito de se chamarem cristãos”. - Padre Amando Adriano Lochu

"MALDITOS os cristãos que suportam sem indignação que seu adorável SALVADOR seja posto lado a lado com Buda e Maomé em não sei que panteão de falsos deuses". - Padre Emmanuel

sábado, 25 de novembro de 2017

Santa Catarina, Virgem e Mártir

Santa Catarina de Alexandria - Bartolomé Esteban Murillo 
“Senhor, que no alto do monte Sinai destes a Lei a Moisés, e para o mesmo lugar fizestes transportar milagrosamente por vossos santos Anjos o corpo de Santa Catarina”

Santa Catarina de Alexandria, nascida em 287 em Alexandria no Egito local em que morreu em 305 aos 18 anos.
Dotada de uma extraordinária intelectualidade, nascida como pagã, convertida na adolescência ao cristianismo, converteu muitos pagãos, entre os quais a esposa do imperador Maximino Daia e outros que o mesmo imperador mandou para disputar com a sua intelectualidade.
Levada a presença de Maximino Daia, a jovem Catarina apontou as suas limitações, o censurou pela crueldade nas perseguições aos cristãos e confirmando a sua Fé em Nosso Senhor Jesus Cristo. O imperador vendo a sua sabedoria e não conseguindo argumentar com a santa, a mandou prender e chamar os 50 maiores sábios para debater com ela propondo-os que se conseguissem convencê-la lhes dariam os maiores presentes, mas caso contrário, se não conseguissem, seriam executados.
No debate os sábios não conseguiram vencer Santa Catarina e  muitos foram convertidos a Fé cristã. Irado o imperador mandou jogar a santa na masmorra e tortura-la. Visitando-a no seu cárcere a esposa do imperador e o chefe da guarda, Catarina não só os converteu como a inúmeros soldados aumentando ainda mais a fúria de Maximino que jogou sua esposa e os sábios aos leões no coliseu e a Catarina a condenou à morte na roda.
Ao amarrá-la no instrumento de tortura a mesma quebrou, sendo  determinada a morte por decapitação. Ao ter sua cabeça decepada saiu leite no lugar de sangue.
Após a sua morte, o corpo da santa desapareceu, foi transportado e enterrado por Anjos no monte Sinai. Encontrado incorrupto no século VII, foi levado para o Mosteiro da Transfiguração onde são preservados algumas de suas relíquias.
Santa Catarina apareceu inúmeras vezes à Santa Joana D’Arc, que ouvindo a sua voz encontrou a espada que usaria para lutar pela França, é também um dos Catorze Santos Auxiliares invocados em casos de necessidades especiais, no caso dela, contra morte súbita.
Em 1969, semelhantes a outros santos, a celebração em memória de seu martírio foi retirada do Calendário Litúrgico Universal da igreja pós-CVII, com a alegação de escassez de documentos históricos, aspecto lendário de sua vida e que o seu culto iniciou à época dos cruzados, sendo recolocada em 2002 como memória facultativa.
É celebrada pela Igreja Católica em 25 de novembro.
Fontes:
Missal Romano Latim/Português, Edições Paulinas 1959
Missal Quotidiano Completo Latim/Português, Tipografia Beneditina 1951
Martirológio Romano
https://pt.wikipedia.org/wiki/Catorze_santos_auxiliares#cite_note-litanies-2

Nenhum comentário:

Postar um comentário